As crianças do Camboja

Quando fui para o Camboja não esperava que fosse me deparar com tantas crianças perambulando pelos templos. No guia que levei falava que elas estão sempre por ali vendendo souvenires, mas falava também que elas vão pra escola, têm família e trabalham antes ou depois dos estudos. Se é verdade eu não sei, mas que elas estão em todo lugar, estão! São tão insistentes que chegam a irritar. Mas são tão lindas e fofas que chegam a comover, a querer levar pra casa, a entender a Angelina Jolie (ela adotou o filho Maddoxx ao se encantar com ele durante as filmagens de Lara Croft no Camboja). Elas vendem praticamente as mesmas coisas. Ou seja, vão te oferecer 20 vezes os mesmos cartões postais, os mesmos imãs de geladeira. E você vai comprá-los pra família inteira, pois essas crianças devem ser treinadas a derreter seu coração. Imagine o olhar do gato de botas do Shrek com um sotaque asiático dizendo “One dollaaaaaar, one dollaaaaaar, please madam.” Ai você pensa, o que é um dólar afinal? E quando vê já comprou todas as bugigangas afim de contribuir com o turismo humanitário.

“Pañuelos, amiga. Compralos” Até espanhol elas aprenderam!

Era domingo em um dos templos que visitei e as crianças estavam por toda parte. A maioria estava lá brincando, aproveitando o final de semana num quintal que Indiana Jones sonharia em brincar. Estava andando por uma trilha quando me deparo com risadas histéricas e felizes de um grupo de crianças que estava se jogando num monte de folhas secas. Quando cheguei perto saíram todas correndo atrás de mim, pedindo qualquer coisa. Quando tirei da bolsa umas pulseirinhas que havia comprado de um outro grupinho eles ficaram loucos! Não queria dar dinheiro, portanto dei as pulseiras e fiz a festa deles!

Comentários

comments

1 Comment on As crianças do Camboja

  1. Ianê Arantes
    10 de dezembro de 2014 at 9:16 (3 anos ago)

    Que show! A forma como descreve… As fotos… Que demais! Parabéns!

    Responder

Leave a Reply