Hotel em Los Angeles: Doubletree by Hilton

Chegamos em Los Angeles depois de 2h de viagem e uma parada de mais 3h no outlet de Camarillo. Deixamos para chegar na cidade mais pro fim do dia, já que de qualquer forma não daria pra fazer muita coisa se entrássemos lá ás 18h. Então fizemos as compras tranquilos e entramos no Doubletree às 22h.

O Doubletree tem estacionamento próprio, então foi mais ou menos tranquilo entrar com todas as compras. Digo mais ou menos porque o estacionamento não tem um elevador que leve até os quartos. É preciso pegar um elevador até o lobby , atravessar tudo e então pegar um elevador para os quartos.

Depois de 2h de viagem + 3h de compras, muitas (muitas!) sacolas e 3 malas, esse foi aquele momento “ahhhhh” da chegada. Tudo que queríamos era finalmente chegar, tomar banho e dormir.

Como o título diz, ficamos no Doubletree, um hotel da rede Hilton. Senão me engano foi o mais caro de toda a viagem, bem estilo hotel que nunca pego, mas viajar com pai é diferente, não dá pra ficar em albergue e muito menos fazer couchsurfing. Não dá pra negar que ficar num hotel desses é bem mais gostoso né?

A localização é boa, em uma área sem congestionamento e muito movimento. Pra ser precisa, o hotel fica em downtown, região bem comercial e cheia de escritórios. Próximas dali ficam a China e Tokyotown e ainda o Disney Concert Hall.

Hollywood e Beverly Hills ficam bem longe dali. Pra chegar de carro dá pra ir pela 101, ou se quiser algo mais rápido e mais barato, pode pegar um metrô embaixo do Disney Concert Hall direto até lá (são cerca de 6 paradas).

Mas voltando ao hotel, ele é do tipo top mesmo. Aqueles com hall enooorme e lindo, e obviamente com nada incluso na diária, tudo a parte. O quarto era delicioso, mas confesso que o colchão da minha cama ficava torto. Eu deitava na cama e sentia todo ele inclinado pro meu lado. Fora isso, tudo 100%.

O café da manhã é a parte como já comentei ali em cima. Custa USD 22 e é buffet liberado. R$ 45 num café da manhã. Não tem como né? Aproveitamos e fomos na Starbucks que fica colada no prédio e com entrada pelo hotel mesmo.

Eles tem uma sala com internet liberada, mas o wi-fi é cobrado a parte também. O preço é de USD 9,90 por 24h. Outra coisa a parte é o estacionamento, USD 28 por noite estacionado.

No fim, a diária que já é um pouco alta, fica mais alta ainda se usar tudo o que necessita. Nós dispensamos o wi-fi (alô Starbucks do lado) e o café da manhã, mas o estacionamento precisamos usar. Não tem onde parar na rua por ali, e os estacionamentos em volta, apesar de mais baratos ficam longe do hotel para ir com malas. Então… melhor o do hotel.

As diárias lá ficam em torno de USD 249 em quarto duplo.

hospedagemSaiba mais sobre a parceria clicando aqui.

Tá indo pros EUA e não sabe onde se hospedar? Demos uma forcinha: guia de hotéis gratuito, feito por nós para vocês, leitores!

Mais sobre Los Angeles:

Farmer’s Market

Disney Los Angeles: a primeira Disney

Camarillo Premium Outlet

Estúdios Warner Bros

Comentários

comments

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.