Visita à Ilha Fiscal no Rio de Janeiro

Sabe aqueles passeios que a gente sempre quer fazer quando vai pra algum lugar novo? O Rio de Janeiro já não é bem um lugar novo pra mim, mas todas as vezes que fui pra lá pensava em visitar a Ilha Fiscal.

Uma vez fomos pro Rio e fizemos um passeio de barco bem legal, bem completo, mas só passava na frente dos lugares, não chegava a descer. Nesse passeio eles iam explicando todos os pontos e tal, e já ali descobrimos um pouco mais sobre a Ilha Fiscal.

O que é bacana da ilha fiscal, além do prédio bonito, é que tem muita história envolvida ali. Foi ali que aconteceu o último baile do Império brasileiro antes do golpe de 15 de Novembro de 1889, cheio de requinte, luxo e celebridades da época. Na visita propriamente dita, ficamos sabendo de tudo tudinho que tinha no baile. Ostentação pura!

ilha fiscal

Antigamente a ilha funcionava como posto da Guarda Fiscal, que atendia o porto da capital do Império, no século XIX. Daí o nome. Hoje em dia é só um museu mantido pela Marinha.

ilha fiscal

A visita tem horários específicos de saída, 12h30, 14h e 15h30, e dura cerca de 1h30 no total. A saída (15 minutos antes do marcado) é do prédio do museu naval, que fica no centro histórico, e visitar o museu também pode ser uma boa ideia, até porque é gratuito. O passeio à ilha custa R$ 25 inteira e R$ 12 meia. Do museu saímos a pé com a tripulação até o barco que leva pro passeio. É bem rapidinho pra chegar lá, mas a dica que eu te dou é: leve um casaquinho! Mesmo sendo no Rio de Janeiro, venta pra caramba por ali e na ilha também. Nos dois passeios de barco que fiz na Baía, passamos frio (mesmo de casaco).

ilha fiscalTava ventando pra xuxu!!

A visita é bem legal, mas lá dentro não tem muita coisa. O prédio é lindo e é bem interessante saber mais sobre a história do local e sobre o famoso baile. Muitas salas não tem visitação permitida, o que é uma pena, pois poderiam tornar a visita ainda melhor.

Comentários

comments

4 Comments on Visita à Ilha Fiscal no Rio de Janeiro

  1. Juliana
    2 de outubro de 2015 at 11:52 (2 anos ago)

    Eu morava no Rio, sempre quis fazer esse passeio e nunca fiz! =(
    Mas seu post foi tão curtinho que deu até a impressão que não vale muito a pena… Não deu pra tirar foto de dentro do edifício, ou não tinha do que tirar mesmo? A visita é guiada?

    Responder
    • Anna
      Anna
      2 de outubro de 2015 at 16:29 (2 anos ago)

      OI Juliana!

      Então menina, por dentro tem uma sala bem bacana porém as fotos não ficam legais porque são vitrais e fica uma iluminação que não curti (na verdade eu não sei fotografar isso na real hahaha).
      Tem uma outra ala pequena, mas onde contam tudo do baile. Achei interessante a forma como montaram a apresentação disso.
      E depois tem um breve museu, mas eu já vi outros melhores.

      Eu achei a visita “ok”. Não morreria sem.
      Se você tiver a opção de meia entrada (R$ 12), tá tudo certo. =D

      Responder
  2. Suelen
    5 de outubro de 2015 at 17:41 (2 anos ago)

    Oi Anna, legal essa dica! Parece um lugar bacana para tirar fotos, mas não é bom quando está muito cheio de turistas neh… nesse dia que voce foi tava vazio? Era dia se semana?
    Bjus!

    Responder
    • Anna
      Anna
      6 de outubro de 2015 at 8:32 (2 anos ago)

      OI Suelen!

      Olha, não enche muito sabe?
      Porque são passeios regulados pela marinha, então o grupo é meio limitado. Quando um grupo chega lá, o outro sai.
      E eles dão bastante tempo pra fotos. É bem livre sabe?

      Não tive problemas com “super lotação” lá. hahaha

      Beijos.

      Responder

Leave a Reply