Circuito Especial em Itaipu

É vergonhoso dizer que levei 26 anos para conhecer a Usina Hidrelétrica de Itaipu que fica aqui do ladinho, sendo que até pra Indonésia eu já fui. Pela segunda vez na vida fui pra Foz, mas só agora tive a oportunidade de conhecer a 6º maior hidrelétrica do Brasil.

Quando chegamos lá, a entrada e organização já convencem de que o passeio será incrível. Tudo perfeito, espaçoso e equipe extremamente atenciosa. Na bilheteria você pode escolher diversos passeios:

- Circuito Especial – tema do post de hoje R$ 56,10

- Visita Panorâmica, ingressos a R$ 22,00;

- Iluminação da Barragem, ingressos a R$ 13,00;

- Refúgio Biológico, ingressos a R$ 19,80;

- Ecomuseu, ingressos a R$ 8,80;

- Almoço no PTI, ingresso a R$ 26,00;

- Dirigir carro elétrico. Experiência fantástica que contei aqui no blog. Ingresso a R$ 75,00;

- Planetário, falei tudo sobre ele aqui. Ingressos a R$ 16,50.

*Todos os passeios possuem a opção de meia entrada.

Dito isso, vamos ao que interessa, o Circuito Especial. Todo o trajeto é feito em um ônibus da própria Itaipu, todo lindo, colorido, espaçoso e bem… perfeito. A guia acompanha o grupo o tempo todo e conta toda a história do lugar e várias curiosidades bacanas.

O circuito faz 7 paradas. A primeira é a Estação Mirante Central e Painel do Poty. De lá podemos ver toda a barragem e o vertedouro. Quando fomos, as portas estavam fechadas e não tinha aqueeeeela quantidade absurda de água. Mas dali dá pra ver o quão enorme é o lugar.

A segunda parada é a Estação Barragem de Concreto, e é aqui que a gente vê que o que era enorme, é ainda maior! O ponto é no alto da barragem onde estão localizadas as comportas de captação de água para as unidades geradoras, e temos a visão do reservatório da usina e do Rio Paraná.

A terceira parada é a Estação Catedral, já meio que dentro da usina. Não é uma catedral de verdade, mas o formato da construção lembra uma. Nessa hora precisamos usar capacetes protetores muito confortáveis. É nessa parada que ficamos pertinho dos tubos. Se tocar neles, dá pra sentir a pressão. Dá um medinho, mas é bem legal, nós até deitamos nele:

A 4a parada já é o Edifício da Produção, emoção total! Entramos na usina e sentimos o perrengue! O tour nos leva até lááááá embaixo, onde o eixo da turbina funciona. Vocês não tem noção do calor do lugar. Só não dá pra ficar mais do que 5 minutos, e não estou exagerando. Quando a guia disse que iríamos descer vários andares, achamos que era susse. Na primeira parada já estava um calor forte e todos já reclamaram. Aí ela avisou que no último andar era insuportável, mas ninguém acreditou que fosse tão TÃO quente assim. Em dois segundos você está pingando de suor já. Impressionante. O barulho é bem forte também.

Não preciso dizer que os equipamentos de segurança são obrigatórios aqui também, é óbvio. E se alguém ficou sem luz em casa, confesso, fui eu.

Depois da sauna, fomos para a quinta parada, a Sala de Comando Central. É de lá que toda a usina é controlada. A curiosidade é que metade da sala é Paraguaia e metade Brasileira, e a equipe é dividida também. Foi a solução encontrada pra não terem problemas com o fato de ser uma Binacional.

A sexta e penúltima parada é a Estação Canal de Fuga, onde vemos o trajeto final da água, retornando ao Rio Paraná.

Por último, vamos à Estação Galeria, com 1km de extensão. Os trabalhadores circulam com bicicletas ou carrinhos lá dentro.

O passeio é muito legal, muito cultural e adorei a oportunidade de fazê-lo. Lembrem que menores de 14 anos não podem fazer o passeio, e apesar do calor forte, não é permitido uso de chinelos, sapatos de salto, shorts ou minissaias. Como o passeio acontece na produção, essas regras são bem firmes mesmo. O circuito dura cerca de 2h30 e tem ônibus saindo das 8h até as 16h. Para maiores informações, acesse http://www.turismoitaipu.com.br.

—————————— x ——————————

Participaram do 2º BlogTurFoz de 13 a 18 de Março de 2012

Os Blogueiros - Alexandra Aranovich (Destemperadinhos e Café Viagem), Anna Martinelli (Finestrino), Beatriz Mignolo (Viaje no Detalhe), Cidilan da Apresentação (Se Pluga no Mundo), Clarissa Comim (Viagem e Viagens), Daniella Mendes (Dicas e Turismo), Gleiber Oliveira (Andarilhos do Mundo), Jonathan Pádua (Eu Vou de Mochila), Luiz Jr (Boa Viagem), Marcos Coqs (Blog Viajão), Maurício Oliveira (Aventureiros), Monique Ribeiro (Diário Radical), Roberta Martins (Territórios) e Vivian Dornelles (Dicas de Viagem)

Realização: Trilhas e Aventuras e Loumar Turismo em Foz do Iguaçu
Patrocínio: Hotel Bella Italia e Itaipu Binacional
Apoio: Gol Linhas Aéreas Inteligentes

Os Parceiros – Churrascaria Rafain Show – CityTour Histórico – Hotel Águas do Iguaçu – Restaurante Bufalo Branco – Cataratas do Iguaçu – Trilha do Poço Preto – Macuco EcoAventura – Restaurante Porto Canoas – Parque das Aves – Cataratas Argentina – Iguazú Argentina – Restaurante La Selva – Gran Aventura – Iguassu Jungle Explorer – Shopping Del Este – SAX Department – Dutty Free Shop Argentina – Restaurante El Quincho Del Tio Querido – Rafain Chopp – Woods – Cataratas JL Shopping

Apoiadores - MolecoPulp EdiçõesZupper

Dica: Saiba mais sobre o Projeto BlogTur e leve essa Ação de Marketing de Turismo para promover o seu destino nas mídias sociais. Acompanhe o evento pelo Twitter através da Hashtag #BlogTurFoz e as atualizações na Fanpage do BlogTur no Facebook.

Comentários

comments

2 Comments on Circuito Especial em Itaipu

  1. Guilherme
    26 de dezembro de 2013 at 15:40 (4 anos ago)

    Olá Anna,

    Vou para foz mes que vem e achei os dois passeios muito legais, tanto o do carro elétrico qnt os do circuito especial. Qual vc me aconselha a fazer?

    Obrigado

    Responder
    • Anna
      Anna
      26 de dezembro de 2013 at 19:05 (4 anos ago)

      Oi Guilherme!

      Olha os dois são bem legais.
      Dirigir o carro elétrico é bem divertido, mas pra quem não conhece Itaipu acho que o Circuito Especial é mais interessante!

      Beijos.

      Responder

Leave a Reply