30 dias e 30 motivos para ser grato

No começo do ano, eu e a Mari colocamos aqui nossas metas pra 2016. Já é metade do ano e dá pra ter uma ideia do que está acontecendo com elas. Bom, não vou me ater falando e repensando as minhas metas – deixa isso pro fim do ano – mas tem uma delas que não durou nem 1 mês, que era a “reclamar menos”. E essa sempre foi uma meta das duas aqui, uma vive puxando a orelha da outra com relação a isso, haha.

Eu tentei, mas sério, meio que as pessoas não deixam! Não tenho paciência pra muita coisa, e acabo reclamando. Sabe, é maior que eu, quando vejo, já saiu uma reclamação. Incontrolável.

Aí esses tempos alguém compartilhou algo no Face que era como “31 dias para ser grato” (não era isso, mas tipo isso), basicamente era pensar no final do dia em pelo menos 1 coisa nele que te fez feliz ou que você pode agradecer. Resolvi tentar essa, vai-que. Então foram 30 motivos para ser grata.f8cf930f866afb483586738bab79bd9c

Sabe que gostei? Achei que começou a funcionar. E eu também comecei a dar valor para pequenas coisas que sim me fizeram feliz naquele dia, ao invés de algo chato que aconteceu nele. Tiveram dias que foram muito mais fáceis de encontrar algo bom, claro. E tiveram dias que foi beeeem difícil, porque todo mundo tem um dia de m** e que parece que tudo deu errado. Mas aí, por que não ser feliz porque o cabelo estava bonito naquele dia? Ou porque ouviu um elogio aleatório? Ou porque pode tomar um banho bem gostoso?

Na minha lista tiveram várias coisinhas pequenas em dias de rotina, mas que foram legais. E aí como fico pensando em achar algo bom, paro de pensar em reclamar um pouco. É um processo de passo de formiga, porque tá muito incrustado em mim, mas devagar vamos seguindo.

Já passaram mais de 31 dias do desafio. Eu estava anotando a cada dia 1 coisa legal, mas agora já não preciso mais anotar pra lembrar de fazer isso, no fim dos dias eu já penso: isso foi legal, e pronto, já tenho pra mim.

3ee8d057b0db92bcdb662021748b43d0

No começo eu tinha pensado em desenhar as coisinhas, mas só que veio a correria do meu dia a dia e uma certa preguiça e essa parte do projeto não saiu mesmo. Fico devendo, hehe.

Deixo aqui o desafio pra vocês também. Eu achei bem legal fazer, e comecei a perceber que pequenas coisas me deixam muito feliz, algumas coisas bem bobas mesmo, mas que eu gosto/gostei. Topa o desafio!?

0e40820e52b4f9d45abc0dc83d527553

Comentários

comments

Leave a Reply