Museu Larco, o museu mais lindo de Lima

Eu estou escrevendo sobre Lima sem necessariamente uma ordem certa. É que tem coisas que quero muito contar antes, algumas coisas que gostei demais e aí quero logo falar, haha.

Diferente da Mari que não gosta de museu, eu sempre incluí museus nas minhas viagens. Sempre, sempre. Porém, hoje já conheci museus tão incríveis e grandes e importantes do mundo, que me sinto no direito (e na vontade) de não precisar ir em tantos museus assim. Não é que seja obrigada a ir em museu, mas é cultura, eu trabalho com criatividade e qualquer tipo de informação nesse quesito, é muito importante pra mim. Minha cabeça flui muito mais. A coisa é que tenho selecionado MUITO onde ir, se vale a pena MESMO ou não antes de gastar meu tempo e dinheiro. É, porque tem alguns museus que são só isso mesmo.

Em Lima eu visitei um museu, o Museu Larco, e mesmo sendo um pouco longe de onde eu estava e precisei desembolsar um pouco mais pro táxi, e a entrada também não era muito barata, R$ 30, valeu totalmente a pena.

Começa que o lugar é simplesmente lindo! Um cuidado absurdo com cada cantinho, cheio de flores coloridas, uma coisa assim que olha, difícil descrever. Eu achei lindo demais e só a área de fora e a casa já me conquistaram completamente. Também preciso comentar que uma das fotos desse museu foi a mais curtida da viagem pra Lima. #temqueverissoaí

museu larco

Lá você pode fazer visita guiada também, mas eu fui sem ela e deu pra entender bastante coisa, pois todas as peças tem um breve descritivo.

A exposição é de peças indígenas e da história do Peru. Eu não sei se todo mundo gosta disso, mas eu acho fascinante. Aliás, meu TCC na faculdade foi de estampas com base em tribos indígenas do Brasil, e nossa, acho os índios muito criativos! Também tive antropologia na faculdade, e também me fascina esse estudo. Dá pra entender tanto de cultura e dos povos, e no fim acabo me interessando muito por esse tipo de exposição.

museu larco

Bom, se você não gosta desse tipo de material, talvez tenha que pular a visita ao Museu Larco, ou então, ir apenas para almoçar/tomar café no restaurante que tem lá e conhecer pelo menos a casa e a área aberta.

museu larco

Passei uma boa tarde do dia lá, pelo menos umas 2h. Além de ficar um tempão apreciando a casa e o jardim, também fiquei bastante tempo vendo as peças e eles ainda tem uma outra parte que é de “estoque” deles, e tem zilhões de prateleiras cheias de cerâmicas. É muita coisa!! Dá pra passear por lá, mas está tudo catalogado em prateleiras, bem estoque mesmo, então não dá pra ver tudo de tudo. De qualquer forma achei legal eles deixarem essa parte também aberta e não escondida só pra eles.

museu larco

Gostei muito desse museu, achei que valeu a visita! Mais informações aqui no site deles.

Serviço: Av. Bolivar 1515, Pueblo Libre, todos os dias das 9h às 22. 

*Ah, quando chegar lá, vai achar que está fechado porque os portões ficam fechados. Mas os guardinhas abrem pra quem vai visitar. E não tem cara de museu, ok? É cara de casa mesmo!

Comentários

comments

Leave a Reply