Oxford

Eu estava em Londres e queria conhecer uma cidade universitária, daí veio o dilema: Cambridge ou Oxford? Qual das rivais escolher?
Acabei optando por Oxford, pois na época estava mais na moda por causa do Harry Potter e porque o pessoal da casa que eu estava já tinha ido, daí acabei sendo influenciada também.
Paguei £3 pelas passagens. Ida e volta + taxas, com a minha queridinha Megabus. Já falei sobre ela quando fui pra Inverness. Essa empresa é fantástica. Na época, a libra custava R$4,30, então o passeio saiu por R$12,90! Pensa: aqui no Brasil, aonde é possível ir com R$12,90? Daqui de Curitiba acho que não chega nem em Matinhos com esse dinheiro. E se chegar, não volta.

Oxford fica a 100km de Londres, a viagem até lá dura cerca de 1h20 e é bem tranquila, então é passeio pra um dia só, no melhor estilo bate-e-volta. Preciso dizer aqui que não tem muita coisa pra fazer em Oxford, pois a grande atração mesmo é a Universidade, e ainda peguei um dia feio, com chuviscos de vez em quando e bastante frio. Daí bate aqueeeeele desânimo.

Bicicleta pelo caminho é tudo o que mais se vê em cidades universitárias e as ruas estreitas nos fundos dos edifícios dão todo aquele charme.

Oxford

Oxford (53)

A Universidade de Oxford foi fundada em 998(!), mas existem registros de ensino apenas a partir de 1096. A Universidade está sempre entre as 10 melhores do mundo, mas sempre atrás de Cambridge no ranking. Basicamente, o passeio por lá consiste em percorrer a cidade visitando as faculdades que formam a Universidade de Oxford, pois não existe um campus só onde se concentra tudo.

Lógico que não visitei todas, pois são mais de 40. Fui apenas visitando as que estavam no meu caminho e confesso que nem lembro o nome de todas, exceto a Christ Chruch, que era aquela do Harry Potter, e a Sommervile College, que foi fundado em 1879 para as mulheres, que até então não podiam frequentar universidades.

Oxford (28)
Oxford (39)
Oxford (37)
Oxford (9)
Oxford (13)

Na Christ Church foi gravada uma cena do Harry Potter, daí quando eu cheguei lá tinha uma placa nas escadas dizendo que no andar de cima foi filmado Harry Potter, mas que não podia subir, e eu, que odeio esse Harry Potter, quis subir pra ver do mesmo jeito, daí olhei ao redor, não vi nenhum segurança e subi. Quando pisei no terceiro degrau apareceu DO NADA um cara berrando comigo e falando “não saber ler, não?!”, daí eu falei que sabia ler sim, mas tive que ir embora sem ver o tal lugar que era esse:

Nomes famosos que estudaram na Universidade de Oxford:

Bill Clinton

Tony Blair

Hugh Grant

Edmund Halley (do cometa Halley)

Robert Hooke (aquele da lei da elasticidade F = kl, sendo K a constante elástica da mola e … tá, parei)

Oscar Wilde

John Locke (aquele do Lost)

Lewis Carroll, outros famosos da literatura e um monte de gente que ganhou prêmio Nobel.

E por falar em Lewis Carroll, existe uma loja da Alice lá em Oxford que é uma fofura, a Alice’s Shop.

alice

(peguei essa foto da internet porque eu fui pra Oxford nos meus últimos dias de viagem e para cada foto que eu tirava, eu tinha que deletar uma de outro lugar… e olha que antes de viajar eu comprei um cartão de 1Gb, que na época era quase infinito de tão grande, mas mesmo assim não deu, aí preferi tirar fotos minhas no lugar porque sou narcisista).

Quando estava procurando minhas recordações de Oxford pra lembrar de coisinhas pra escrever aqui, achei uma caixinha de chá da Alice vencida, que eu tinha comprado para dar de presente pra um amigo (oi Evandro!) e até hoje não entreguei. #Fail.

Em Oxford ainda existe um mini Jardim Botânico pra visitar, nada muito interessante. Como a cidade é pequena, dá pra fazer tudo a pé, então eu usei aquela velha tática de improviso quando rola uma visita em uma cidade que não estava planejada: vou até algum ponto de onde sai o Sightseeing, demonstro interesse em adquirir o ticket, pego o mapa e vou embora fazendo a rota do ônibus a pé (já fiz isso algumas vezes e sempre funcionou). Fica a dica! ;)

Comentários

comments

1Pingbacks & Trackbacks on Oxford

Leave a Reply