Tango Porteño, show de tango em Buenos Aires

Tá gente, toda vez que vou pra Buenos Aires, eu procuro assistir um show de tango diferente. Sim, é algo bem turistão, mas também é algo que você TEM que ver lá. É super cultural, é legal e muito válido sim.

Até agora eu assisti: Señor Tango (o único que não indico, veja aqui), Piazzolla (meu preferido até agora), Homero Manzi, Café de Los Angelitos (lugar mais lindo) e agora, o Tango Porteño.

De todos os shows, eu só jantei no Señor e no Piazzolla, e já pude entender que era tudo igual, hehe. A comida não é ruim, de forma alguma! É muito boa, bem servido e tal, mas é muito parecido e como a opção “jantar” encarece bem, acho que já deu de comer nos shows. (tá bem caro agora por conta do dólar, obviamente. A opção jantar acaba encarecendo R$ 200 e acho que não vale isso).

No tango Porteño também escolhi a opção só show. Mesmo nessa opção as bebidas estão inclusas e também 2 empanadas, que estavam ótimas! Ou seja, dá pra comer alguma coisinha antes pra dar aquela aderência, e depois comer um pouquinho no show. As empanadas são grandinhas, tá?

tango porteño

O lugar é lindo também, fica em um teatro antigo quase ao lado do Teatro Colón, em plena Av. Corrientes. A organização da entrada foi perfeita, não ficamos esperando, fomos atendidos na hora e colocados em uma mesa em um “1º balcão”, digamos, um nível acima do piso normal de entrada. Perfeito, porque a visão do palco é melhor.

O palco é gi-gan-tesco. De todos os shows que eu vi, esse tem o maior palco, sem dúvida. Bom pros bailarinos, mas também sofrido, porque cansa mais pra ocupar todo o espaço. (esse é só meu adendo de dançarina, só pra agregar conhecimento pra vocês aqui, hehe)

tango porteño

O show é muito bonito. A parte cênica é incrível, a composição dos cenários, boas ideias em coreografias, os cantores são maravilhosos, e a orquestra é de formação típica, enorme e fica em cima do palco, super lindo! Poréééém, eu achei que podia ter um pouco mais de tango, tango show, tango forte, tango que turista quer ver, tango explosão. Tiveram danças assim sim, mas só 2, e eu acho que podia ter mais.

Os bailarinos mudam com certa frequência, então de certa forma, o show também muda por conta disso. Quando eu fui estavam dançando os vice campeões mundiais, e no dia seguinte eles saíram em turnê pela Europa. No lugar deles, entrou um campeão mundial de 2007 (que é maravilhoso, diga-se de passagem), e isso significa que o show já mudou um pouco.

Os vice campeões

Isso não é ruim não, tá? É só que o show varia, então nem adianta eu querer dizer que você vai ouvir as músicas x, y, z, porque já podem ter alterado isso.

IMG_7461Com ela, Rocio Garcia Liendo, vice campeã mundial 2015, super querida!

No geral, eu gostei bastante do lugar, do show todo e da experiência. Pra mim, o Piazzolla ainda está no primeiro lugar, e o Tango Porteño entrou no segundo lugar do meu ranking.

Os ingressos eu comprei com a BsAs4U, uma empresa que sempre contrato pra shows e passeios. São super sérios, o atendimento é rápido e em português e nunca fiquei na mão. Com eles fui ao Piazzolla, ao Homero Manzi e também fiz o passeio do zoo de Lujan. Tudo certo sempre! No site deles tem outras opções de shows, tem de todos os que eu falei aqui, inclusive.

tango porteño

pagina

Comentários

comments

Leave a Reply