Templos para visitar em Bangkok: que vale e o que não vale a pena

Eu desenterrei esse tema aqui no blog porque esses dias alguém me perguntou algo da Tailândia e fui atrás dos posts. E aí que eu visitei 627402 de templos lá, falei de todos eles aqui no blog, tim-tim por tim-tim, mas achei que um post como esse seria essencial. Uma lista de templos para visitar em Bangkok e o que eu achei que valeu bastante a pena e os que eu achei que “ok, bacana, mas com pouco tempo é dispensável“.

Ao todo visitei 13 templos na cidade. A maioria budista, mas também teve um hindu no meio do caminho.

WAT SUTHAT

O templo é de 1807, terminado em 1847, um dos maiores e mais antigos da cidade. Ele tem uma pegada bem chinesa, desenhos diferentes dos outros templos. Ele é Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

Vale a pena: ****
Porque: além do enorme Buda de ouro, as pinturas nas paredes são diferentes dos outros templos, o que dá uma “limpeza” no olhar nas visitas.

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

wat suthat

GRANDE PALACE

Antigamente era residência do Rei (desde 1782), mas hoje é apenas um complexo turístico. Ele tem tudo de tudo. Muitas construções lindíssimas, jardins, templos, estátuas. É a visita mais cara em Bangkok, mas também a mais bonita.

Vale a pena: *****
Porque: se tiver que escolher apenas um templo para visitar, é esse! Ele é tudo e mais um pouco, porém está sempre bem cheio.

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

grand palace

WAT SUAN PHU

Ele é mais simples e não fica em uma área tão turística. Eu acho até que ele é um pouco esquecido no roteiro, e quando fomos estava super vazio. Aliás, estávamos só nós mesmo! Um contraste enorme com o Grand Palace. Ele é templo, escola e tem até residências no complexo.

Vale a pena: *
Porque: Ele é bonito sim, é bem tranquilo e por esse motivo é excelente para fotografar tudo e mais um pouco. Porém não tem muita coisa. Se você não tiver tempo suficiente na cidade, pode seguir para outro templo.

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

wat suan phu

SRI MAHA MARIAMMAN

Olha que curioso, não é só de templo budista que vive a Tailândia! Nós fomos visitar esse que é indiano (hindu) e é super diferente dos outros. Ele é super colorido e a construção realmente se destaca na região. Na parte de dentro é bem simples, nada de UAU, mas a parte de fora é incrível.

Vale a pena: **
Porque: como falei, ele é simples por dentro, e não dá pra tirar fotos, mas no mínimo conhecer a fachada acho legal.

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

WAT PHO

Um dos mais conhecidos e visitados templos da cidade! O Wat Pho é aquele templo que abriga o Buda deitado, que é imenso e todo de ouro. Sim, esse é um grande contraste, a riqueza dos templos e a pobreza do resto. Além disso, esse é um dos maiores complexos, com 80 mil m² e com mais de 1000 imagens de Buda.

Vale a pena: muito
Porque: vale super a pena parar aqui para apreciar essa estátua gigantesca toda de ouro e fazer as oferendas, que aqui acabam sendo até turísticas.

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

WAT TRAIMIT

O Wat Pho é o templo do Buda deitado, e o Traimit é o do Buda sentado. Cada templo tem uma posição do Buda, basicamente. Aqui ele também de todo de ouro, e como foi o 1º templo que conheci na minha viagem, adorei tudo. Ele também é bem imponente, pois o prédio principal fica em uma área mais alta do resto, e sobressai na paisagem urbana.

Vale a pena: ****
Porque: todos os templos com esculturar grandes de Buda valem a pena. É um desbunde, é colossal, é quase inacreditável tudo isso. A vista desse templo também é bem bonita.

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

wat traimit

WAT RATCHANADDARAM

Eu adorei esse templo! De todos os que visitamos, esse é o que mais ficou na minha memória, não sei porquê. Acho que o fato de ter alguns prédios com o teto todo preto, que é diferente dos outros. Também gostei porque estava bem mais tranquilo, mais vazio que os mais famosos: Pho, Traimit e Grand Palace. O prédio tem 37 torres de metal e é o 3º palácio de bronze do mundo.

Vale a pena: *****
Porque: é o lugar pra poder tirar bastante foto sem ter que ficar desviando das pessoas. É lindo, diferente e uma das principais construções do mundo!

Falei mais dele, endereço e valores aqui.

Processed with Snapseed.

TEMPLOS DE CHINATOWN

Toda Chinatown é uma loucura, e em Bangkok é igual. É super interessante visitar as chinatowns por aí (pelo menos enquanto eu não consigo ir pra China, hehe), a cultura muda totalmente, as pessoas, a língua, tudinho mesmo. Em Bangkok paramos em 3 templos na região, e como estávamos próximos do Ano Novo Chinês, a região estava ainda mais cheia e muitas oferendas nos templos. O bacana é que varia a arquitetura deles e por um tempo nem parece que estamos na Tailândia.

Vale a pena: ***
Porque: é legal passar, entrar rapidinho durante sua visita à Chinatown. Não diria pra perder muito tempo neles, são muito cheios e não são tão bonitos quanto outros da cidade. É aproveitar a passada na região mesmo e seguir.

Falei mais deles, endereço e valores aqui.

Processed with Snapseed.

WAT YANNAWA

Esse templo é no mínimo esquisito, ele é em formato de um barco! Outra coisa particular foi o outro templo ao lado onde, diferente dos que tem uma grande imagem de Buda, tem várias imagens diferentes e cada um escolhe onde quer parar e fazer sua oferenda. Outra coisa particular é que tem muitas caixinhas para doações nesse lugar e pra complementar, na parte de trás tem o rio e uma quantidade absurda de bagres. Sério, é absurdo!

Vale a pena: **
Porque: interessante esse formato do templo, interessante ver o ritual das pessoas nas oferendas e meio estranha a quantidade de peixes atrás. Se tiver tempo no cronograma, vá. Se não, siga!

Falei mais deles, endereço e valores aqui.

WAT ARUN

Esse templo é super legal, e acho que o mais “interativo” de todos. Digo isso porque em todos a gente chega, olha, faz oferenda se quiser, tira foto e segue. No Wat Arun o bacana é subir nas construções. São escadarias (bem pesadas, já aviso) e que lá em cima te proporcionam uma vista incrível, sem contar a possibilidade de ver os detalhes das construções beeeem de pertinho.

Vale a pena: *****
Porque: subir nos pilares e ver tudo de pertinho é sensacional, sem contar que lá você pode ser benzido por um budista de plantão.

Falei mais deles, endereço e valores aqui.

wat arunO pé não sabe de frente no degrau e eles são tão altos que batem no joelho.

Ahh, e não esqueça que não dá pra entrar com perninhas de fora nesses lugares. É preciso colocar um sarong ou calça comprida. Como lá é bem quente, você pode ir de shorts e levar na mochila um lenço ou pashemina e amarrar em você na hora. Caso esqueça, não se preocupe, pois todos tem alguns para locação logo na entrada. É bem baratinho, tipo R$ 2. Aqui falo melhor sobre isso.

sarongsO look fica uma maravilha com esses negócios! haha

Comentários

comments

1 Comment on Templos para visitar em Bangkok: que vale e o que não vale a pena

Leave a Reply